Brasil S/A

Identidade visual e material de divulgação para o longa-metragem Brasil S/Ade Marcelo Pedroso, uma produção da Símio FilmesAquarela, nanquin, guache sobre madeira. Março, 2015.


Para A Firma Brasil S/A fala de um gigante corporativo silencioso que nos observa, um big brother. Diante dele somos criaturas vagando em um terreno inóspito e desfigurado, frio, onde pessoas são números. Borrões sendo manipulados. Há também, no filme, um silêncio tensionado, certo mistério e higienização estética nas escolhas do figurino, da fotografia e das tecnologias o que nos fez visitar algumas referências retrô-futuristas, um tipo sci-fi orgânico. Esses pontos nortearam a escolha da tipografia, a paleta de cor sóbria (e sombria) e a pensar um ângulo e enquadramento que relacione as escalas do humano x corporativo. A ideia é que o jogo de escalas convide o espectador a se aproximar do quadro, para que ele mesmo, em alguma instância, sinta-se agigantado e se torne a corporação, o observador deste mundo.